Tudo que você precisa saber sobre alucinações 

Doutor Já Avatar

Doutor Já

Redação
Tudo que você precisa saber sobre alucinações 

O que são alucinações?

As alucinações são experiências sensoriais que parecem reais, mas que são criadas pela sua mente. Elas podem afetar todos os seus cinco sentidos. Por exemplo, você pode ouvir uma voz que ninguém mais na sala ouve, ou você pode ver uma imagem que não é real.

Esses sintomas podem ser efeitos colaterais de medicações, causados por uma doença mental, ou doenças físicas, como a epilepsia ou alcoolismo. 

Talvez você precise visitar um psiquiatra, um neurologista ou um clínico geral, dependendo da causa.

O tratamento pode incluir remédios para tratar a condição de saúde. O seu médico também pode recomendar a adoção de diferentes comportamentos, como beber menos álcool e dormir mais, para melhorar. 

Está com alguma dúvida? Pergunte aos nossos especialistas e veja algumas respostas que já temos!

 

Tipos de alucinações

As alucinações podem afetar a sua visão, paladar, olfato, audição, ou sensações corporais. 

Visuais 

As alucinações visuais fazem com que você veja coisas que não são reais. As alucinações podem ser de objetos, padrões visuais, pessoas ou luzes. 

Por exemplo, você pode ver uma pessoa que não está no cômodo ou luzes piscando que ninguém mais consegue ver. 

Olfativas

As olfativas envolvem o seu olfato. Você pode sentir um odor desagradável quando acordar no meio da noite ou pode sentir que o seu corpo está fedendo quando, na verdade, não está. 

Esse tipo de alucinação também pode incluir aromas que você gosta, como o cheiro de flores. 

Gustativas

As gustativas são similares às olfativas, mas elas envolvem o seu paladar ao invés do olfato. 

Frequentemente, esses gostos são estranhos ou desagradáveis. As alucinações gustativas (geralmente com um gosto metálico) são um sintoma relativamente comum para pessoas com epilepsia. 

Auditivas 

As alucinações auditivas estão entre os tipos mais comuns de alucinação.Você pode ouvir alguém falando com você ou dizendo para você fazer certas coisas. A voz pode estar zangada, neutra ou carinhosa. 

Outros exemplos desse tipo de alucinação incluem ouvir sons, como alguém andando pela casa, um clique repetido ou ruídos (batidas).

Táteis

As alucinações táteis envolvem a sensação de toque ou movimento no seu corpo. Por exemplo, você pode sentir que insetos estão subindo na sua pele ou que seus órgãos internos estão se movimentando. Você também pode sentir o toque imaginário das mãos de alguém em seu corpo.

O que causa as alucinações?

Condições de saúde mental 

As doenças mentais estão entre as causas mais comuns. A esquizofrenia, demência e delírio são alguns exemplos.

Uso de substâncias

O uso de substâncias é outra causa bastante comum. Algumas pessoas veem ou ouvem coisas que não são reais após beber muito álcool ou usar drogas, como a cocaína. 

As drogas alucinógenas como o LSD e o pó de anjo também podem gerar alucinações. 

Falta de sono 

Não dormir o suficiente também pode levar à alucinações. Você pode estar mais propenso a ter alucinações se não tiver dormido por muitos dias ou se não estiver dormindo o suficiente por um longo período de tempo. 

Também é possível ter logo antes de cair no sono, conhecidas como hipnagógicas, ou antes de acordar, conhecidas como hipnopômpicas.

Medicações 

Certas medicações tomadas para condições físicas e mentais também podem causar alucinações. As medicações da doença de Parkinson, depressão, psicose e epilepsia podem, em alguns casos, provocar sintomas de alucinação. 

Outras condições

Outras condições também podem causar alucinações. Essas podem incluir:

  • Febres altas, especialmente em crianças e idosos
  • Enxaqueca
  • Isolamento social, particularmente em idosos
  • Convulsões
  • Surdez, cegueira ou problemas de visão
  • Epilepsia (em alguns casos, as convulsões epilépticas podem fazer com que você veja formas ou pontos brilhantes)
  • Doenças terminais, como o estágio 3 do HIV (AIDS), câncer no cérebro, ou insuficiência renal e hepática

Como as alucinações são diagnosticadas?

A melhor coisa a fazer é ligar para o seu médico imediatamente se você suspeitar que as suas percepções não são reais. O seu médico irá perguntar quais são os seus sintomas e fará um exame físico. Testes adicionais podem incluir um exame de sangue ou urina e, talvez, um scan do cérebro. 

Se você conhece alguém que está alucinando, não deixe a pessoa sozinha. Em alguns casos graves, o medo e a paranoia provocados pelas alucinações podem levar a ações ou comportamentos perigosos.

Fique sempre com a pessoa e vá com ela ao médico para dar um suporte emocional. Você pode ajudar a responder as perguntas sobre os sintomas e a sua frequência. 

Como as alucinações são tratadas?

O seu médico será capaz de recomendar a melhor forma de tratamento para você assim que ele descobrir o que está causando as alucinações. 

Medicações

O tratamento para as alucinações dependerá inteiramente da sua causa subjacente. Por exemplo, se você está alucinando devido à abstinência do álcool, o seu médico pode prescrever um remédio que ajuda a acalmar o seu sistema nervoso. 

Contudo, se as alucinações forem causadas pela doença de Parkinson em uma pessoa com demência, esse mesmo tipo de remédio pode não ser benéfico e outras medicações podem ser usadas. 

Um diagnóstico preciso é muito importante para tratar a condição de maneira eficaz.

Aconselhamento 

O aconselhamento também pode ser uma parte do seu plano de tratamento. Isso é especialmente importante se a causa subjacente das suas alucinações for uma condição de saúde mental.

Conversar com um terapeuta pode ajudá-lo a entender melhor o que está acontecendo com você. Um terapeuta também pode ajudá-lo a desenvolver estratégias de enfrentamento, principalmente para quando você estiver se sentindo paranóico ou assustado. 

O que eu posso esperar em longo prazo?

A recuperação de alucinações depende da causa. Se você não está dormindo o suficiente ou se está bebendo em excesso, esses comportamentos podem ser ajustados. 

Se a sua condição for causada por uma doença mental, como a esquizofrenia, tomar os remédios certos pode melhorar. Ao ver um médico imediatamente e seguir o plano de tratamento é mais provável que você tenha um resultado positivo em longo prazo.

Fonte: Health Line

Está com alguma dúvida? Pergunte aos nossos especialistas e veja algumas respostas que já temos!