Apneia do sono pode causar depressão?

Doutor Já Avatar

Doutor Já

Redação
Apneia do sono pode causar depressão?

Existe uma ligação apneia do sono e depressão?

A apneia do sono é um transtorno do sono que faz com que você pare de respirar enquanto você está dormindo. Ela pode levar à insônia, fadiga e dores de cabeça, afetando sua vida cotidiana.

Não tem Plano de Saúde? Conheça agora o Cartão Doutor Já!

Falta de sono e depressão

Há uma correlação entre o sono e o humor, e falta de sono e depressão. Algumas pessoas sentem o início dos sintomas de ambas as condições ao mesmo tempo, enquanto outras sentem a privação de sono antes da depressão.

As duas condições compartilham fatores de risco que podem aumentar a probabilidade do desenvolvimento de cada condição unicamente.

A insônia relacionada à manutenção do sono, como a apneia do sono, teve a maior correlação com depressão e ansiedade.

Sintomas da depressão X Sintomas da apneia do sono

Os sintomas da depressão e da apneia do sono podem, algumas vezes, fazer com que seja difícil diferenciar as duas condições. Isso acontece, porque a depressão pode ser um sintoma da apneia do sono.

Os sintomas da apneia do sono são:

  • Ronco alto
  • A suspensão da respiração enquanto estiver dormindo, o que pode acordá-lo ou ser notado por outra pessoa
  • Acordar abruptamente e sentir falta de ar
  • Problemas de atenção
  • Cansaço excessivo durante o dia
  • Dores de cabeça matinais
  • Dor de garganta ou boca seca ao acordar
  • Irritabilidade
  • Dificuldade em dormir

Os sintomas da depressão são:

  • Irritabilidade, frustração e raiva acerca de pequenos problemas
  • Sentimentos de tristeza, vazio ou desesperança
  • Mudanças no apetite
  • Distúrbios do sono, como insônia
  • Fadiga e cansaço
  • Dificuldade para pensar ou se concentrar
  • Dores de cabeça

O essencial para um diagnóstico diferenciado é primeiro determinar se você tem apneia do sono, já que pode estar causando ou contribuindo para a sua depressão.

Marque uma consulta com o seu médico. Ele pode recomendar uma clínica do sono, na qual o seu sono será avaliado durante a noite. Se os médicos não acharem que você tenha apneia do sono, eles poderão encaminhá-lo para um profissional de saúde mental para falar sobre sua depressão.

Como tratar?

Em alguns casos, tratar a apneia do sono pode ajudar a tratar a depressão ou a reduzir os sintomas, especialmente se a apneia estiver contribuindo para a depressão.

Você pode usar alguns métodos para começar a tratar ambas as condições em casa, mesmo antes de se consultar com um médico. Um tratamento em casa combinando a apneia do sono e depressão pode ser:

  • Fazer exercícios regularmente: isso pode ajudar a aliviar a depressão e ajudar com a perda de peso. A perda de peso pode atenuar a SAOS causada pelo sobrepeso.
  • Evitar dormir de costas: quando você dorme de costas, a sua língua pode bloquear as suas vias aéreas. Tente dormir de lado ou de barriga para baixo.
  • Evitar álcool: beber pode piorar tanto a apneia do sono quanto a depressão.
  • Evitar remédios para dormir: eles não ajudam a tratar a apneia do sono e podem causar depressão em algumas pessoas.

Em um grande número de casos, melhorar a quantidade e qualidade do seu sono pode ajudar a tratar a depressão e outras condições como a ansiedade, além de aliviar a apneia do sono.

Um sono de alta qualidade é uma necessidade. O sono otimizado e uma depressão reduzida irão melhorar a sua saúde de maneira geral e a qualidade de vida ao mesmo tempo.

Fonte: Health Line

Não tem Plano de Saúde? Conheça agora o Cartão Doutor Já!