Efeitos do álcool em longo prazo

Doutor Já Avatar

Doutor Já

Redação
Efeitos do álcool em longo prazo

Os efeitos do álcool e as doenças

O álcool contribui para mais de 200 doenças e condições de saúde relacionadas a lesões. Isso inclui dependência, vício, cirrose hepática e cânceres. Podem acontecer também as lesões não intencionais como: acidentes de carro, quedas, queimaduras, agressões e afogamento.  Os efeitos do álcool em longo prazo estão ligados à:

  • Doença hepática
  • Pancreatite
  • Miocardiopatia ou dano ao músculo cardíaco
  • Outros problemas cardiovasculares
  • Neuropatia periférica
  • Úlceras estomacais
  • Câncer
  • Disfunção do sistema imunológico
  • Osteoporose
  • Danos cerebrais e nervosos
  • Deficiências vitamínicas
  • Problemas de saúde mental, como ansiedade e depressão

O álcool afeta todos os sistemas do corpo, por isso, pode causar problemas de saúde pelo corpo inteiro.

Pesquisas mostram que mulheres que bebem mais álcool do que a quantidade recomendada  tendem a desenvolver uma série de problemas de saúde. Eles incluem: doença hepática, miocardiopatia e danos nos nervos. Elas também tem mais chance de desenvolver essas doenças do que os homens que bebem.

 

Não tem plano de saúde? Conheça agora o Cartão Doutor Já

 

Efeitos do álcool na gravidez

O álcool pode ter efeitos graves no cérebro em desenvolvimento, do desenvolvimento fetal ao final da adolescência. Se a mulher consumir álcool durante a gravidez, a criança pode nascer com  síndrome do alcoolismo fetal.

Os sintomas podem ser parecidos com os do Transtorno do Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH).

 

Vício e abstinência

Se você bebe muito e regularmente, um dos efeitos do álcool pode ser aumentar sua tolerância. Isso vai fazer com que você tenha que beber mais para ficar “bêbado”. Conforme o corpo de adapta à presença da droga, pode haver dependência ou vício. Se você  parar subitamente, poderá sentir sintomas de abstinência.

O vício em álcool é uma doença que dá um desejo forte de beber toda hora. Quem tem o vício não vai se importar com os impactos negativos na saúde, nos relacionamentos interpessoais e na capacidade de trabalhar. Se a pessoa parar de beber, ela terá sintomas de abstinência.

 

Cego botão cartão Doutor Já

Uma Alternativa aos Planos de Saúde

 

Sintomas de abstinência

Sinais e sintomas de abstinência geralmente ocorrem entre 4 a 72 horas após o último drink ou após a redução do consumo.  Eles alcançam o ápice perto das 48 horas e podem durar até 5 dias.

Eles podem incluir:

  • Tremores leves
  • Insônia
  • Ansiedade
  • Humor deprimido

 

Deliram Tremens

Muitas pessoas irão tomar um drink para parar o desconforto da abstinência.

Em casos mais graves, a pessoa pode ter Deliriam Tremens, ou “DTs”.

Essa condição envolve:

  • Tremores corporais
  • Alucinações ou mudanças no estado mental
  • Confusão
  • Sonolência extrema
  • Convulsões que podem resultar em morte

Delirium tremens é uma emergência médica. Se você tem alcoolismo e deseja parar de beber, procure cuidados médicos ou um centro de tratamento especializado em desintoxicação segura de álcool.

 

Tratamento para alcoolismo

O tratamento de dependência de álcool envolvem ajuda médica, social e familiar.

Estratégias incluem:

  • Aconselhamento individual e em grupo
  • Medicação, como dissulfiram, naltrexona e acamprosato (Campral)
  • Participação em redes de apoio como Alcoólicos Anônimos
  • Um programa de desintoxicação em um hospital ou instalação médica é outra opção para aqueles que precisam de um maior nível de atendimento.

Faça com que a triagem (exames) seja parte das suas consultas médicas. Isso pode ajudar a diagnosticar a condição precocemente.

 

Fonte: Medical News Today