Muita cãibra nas pernas é sinal de que?

Doutor Já Avatar

Doutor Já

Redação
Muita cãibra nas pernas é sinal de que?

O que é cãibra nas pernas?

Cãibra nas pernas é outro nome para espasmo muscular. As cãibras podem ocorrer em qualquer parte do corpo, mas elas são mais comuns nas pernas. As cãibras são provocadas por contrações musculares desconfortáveis. Por isso, você deve saber o que é bom para cãibra na perna.

Se os músculos contraídos não relaxarem após alguns segundos ou minutos, a dor poderá ser forte. Cãibras intensas podem resultar em sensibilidade muscular que dura de algumas horas a um dia. Isso é normal, desde que a dor não seja prolongada ou recorrente.

>> Não tem Plano de Saúde? Conheça o Cartão Doutor Já

 

Alerta para varizes

As cãibras, de uma maneira geral, são tratadas em casa, especialmente se elas não ocorrerem frequentemente. Entretanto, espasmos musculares frequentes podem estar relacionados a outras doenças que precisam de tratamento médico como varizes.

Algumas pessoas acreditam que cremes, como o Slim para varizes, podem acabar de vez com elas. Porém, os chamados “médicos de varizes”(angiologistas e médicos vasculares), acreditam que eles não são tão eficazes quanto dizem.

 

    >> Não tem Plano de Saúde? 

 

Um médico pode ajudar a determinar porque você está com tantas cãibras. E você pode adotar tratamentos e medidas preventivas para aumentar seu conforto.

O que provoca as cãibras?

Uma série de fatores pode causar uma cãibra muscular ou espasmo. As causas mais comuns incluem:

  • Pouco fluxo sanguíneo
  • Lesões musculares
  • Fazer exercício em dias muito quentes ou muito frios
  • Usar muito um músculo específico
  • Estresse, mais frequentemente nos músculos do pescoço
  • Não se alongar antes do exercício
  • Compressão do nervo na coluna vertebral
  • Tomar diuréticos, o que pode levar a baixos níveis de potássio
  • Insuficiência de minerais, com ter pouco cálcio, potássio e sódio no sangue
  • Desidratação

Muitas pessoas sentem cãibras nas pernas enquanto dormem, e acabam acordando por causa disso. Espasmos musculares que causam cãibras nas pernas enquanto você dorme são comuns. Entretanto, o motivo não é totalmente compreendido. Acredita-se que deitar na cama em uma posição estranha por um longo tempo está relacionado à cãibra.

 

Fatores de risco para cãibras nas pernas

Espasmos musculares podem acontecer com qualquer pessoa, a qualquer idade. A cãibra também pode ocorrer a qualquer hora.

As cãibras costumam acontecer com mais frequência entre pessoas dos seguintes grupos:

  • Atletas, por conta do uso em excesso do músculo
  • Crianças
  • Idosos
  • Pessoas obesas, devido a má circulação nas pernas
  • Pessoas que tomam medicamentos como diuréticos, raloxifeno ou estatinas
  • Pessoas que fumam

 

Diagnóstico

A cãibra ocasional não precisa de um diagnóstico médico. Entretanto, o seu médico deve investigar espasmos musculares frequentes e recorrentes. Isso seria necessário se a cãibra na perna ocorrer mais de uma vez por semana sem uma explicação adequada.  O seu médico pode dar um diagnóstico baseado no seu histórico médico e exames físicos.

Exames de ressonância magnética podem ajudar a descobrir a causa de cãibras recorrentes. Um fisioterapeuta ou outro especialista pode ser recomendado caso tenha suspeitas de danos nos nervos ou outras causas complexas.

 

Tratamentos para cãibras nas pernas

O tratamento para as cãibras vai depender da causa.

Se for por exercícios, alongamentos simples e massagens podem ajudar a relaxar o músculo e parar a contração. Bolsas térmicas podem acelerar o processo de relaxamento, enquanto uma bolsa de gelo pode anestesiar a dor. Se o seu músculo ainda estiver sensível/doendo, seu médico poderá recomendar uma medicação anti-inflamatória não-esteroide, como o ibuprofeno.

 

Tratando cãibras frequentes

Cãibras recorrentes nas pernas requerem um tratamento mais agressivo. O seu médico poderá receitar medicamentos para dor se o ibuprofeno não ajudar. Em casos graves, o seu médico poderá prescrever medicação antiespasmódica. Além disso, a fisioterapia pode ajudá-lo a lidar com espasmos musculares e evitar mais complicações.

Em casos extremos, o seu médico poderá recomendar uma cirurgia. Se outros tratamentos falharem, a cirurgia pode aumentar o espaço ao redor de um nervo para aliviar a pressão. Isso pode ajudar se a compressão nervosa causa os seus espasmos.

Tratamentos alternativos

Há certos tipos de massagens e alongamentos que podem fornecer alívio imediato e evitar dores.

Durante uma cãibra, você pode usar as suas mãos para aplicar pressão no local da cãibra para aliviar a dor. Você também pode tentar usar os seus dois dedões para gradualmente aplicar pressão no local até a dor ir embora.

Se você sentir cãibra nas pernas, você pode tentar aliviar a dor ao fazer os seguintes alongamentos:

  • Ficar de pé
  • Esticar a perna que está com cãibra e alongá-la ao mesmo tempo em que estica a coluna (como se fosse colocar as mãos no chão)
  • Você também pode levantar e ficar apenas com as pontas do pé no chão por alguns segundos para alongar seus músculos da panturrilha.

 

Evitando cãibras

Quando você identificar a causa das cãibras ocasionais, siga esses passos para ajudar a evitar futuros espasmos musculares:

  • Alongue-se antes e depois de fazer exercícios.
  • Evite exercitar os mesmos músculos em dias consecutivos.
  • Não faça exercícios quando o tempo estiver severo (muito frio ou muito calor).
  • Beba água ao longo do dia.
  • Beba líquidos que contenham eletrólitos, como o Gatorade.
  • Alongue-se antes de ir para a cama.

 

Para levar

Cãibras são comuns e podem ocorrer em qualquer músculo a qualquer hora. Elas podem ser são tratadas e às vezes até prevenidas. E qualquer dor causada por um espasmo, geralmente, não durará por mais de um dia. Entretanto, se você sente cãibras frequentemente, converse com um médico a respeito de tratamentos.

 

Fonte: Healthline