Os sinais de alerta para diabetes

Doutor Já Avatar

Doutor Já

Redação
Os sinais de alerta para diabetes

Visão geral sobre diabetes

É importante conhecer os principais sinais de alerta para diabetes. O diabetes é uma condição médica séria, porém comum. Se você tem diabetes, precisa gerenciar os açúcares no seu sangue e monitorá-los regularmente para garantir que estejam dentro dos limites.

Existem alguns tipos de diabetes, embora os dois principais sejam do tipo 1 e do tipo 2 . Eles se diferenciam com base nas suas causas.

Você pode ter sintomas repentinos de diabetes ou ser surpreendido com um diagnóstico, porque os sintomas podem ser graduais, surgindo ao longo de muitos meses ou anos.

Principais sintomas

Os sintomas de diabetes podem ocorrer ao longo do tempo ou podem aparecer rapidamente. Os sinais de alerta para diabetes, variam de acordo com o tipo.  Os mais frequentes são:

  • sede extrema

  • boca seca

  • vontade de urinar frequente

  • fome

  • fadiga

  • irritabilidade

  • visão embaçada

  • feridas que não cicatrizam rapidamente

  • pele que coça ou está seca

  • infecções fúngicas

Sinais de alerta  para diabetes tipo 1

O diabetes tipo 1 geralmente é diagnosticado em crianças e adultos jovens, embora possa ocorrer em qualquer idade. Uma criança pode enfrentar estes sintomas adicionais:

  • perda de peso repentina e não intencional

  • urinar na cama, após um histórico de estar seco à noite

  • infecção por fungos

  • sintomas semelhantes aos da gripe, incluindo náusea, vômito, respiração com cheiro de fruta, problemas respiratórios e perda de consciência

Os sintomas semelhantes aos da gripe são causados ​​quando o diabetes não diagnosticado faz com que as cetonas se acumulem na corrente sanguínea. Esta condição é chamada cetoacidose diabética (CAD) . A CAD é uma emergência médica e requer tratamento médico imediato.

Sinais de alerta para diabetes tipo 2

Você pode não perceber os sintomas repentinos de diabetes tipo 2, mas os sinais de alerta listados acima podem despertá-lo para uma condição subjacente. Você pode ser diagnosticado com diabetes quando apresenta:

  • infecções persistentes

  • ferida de cicatrização lenta

  • complicações associadas a níveis elevados de açúcar no sangue prolongados, como dormência ou formigamento nos pés

  • problemas cardíacos

Você pode nunca ter sinais de alerta para diabetes óbvios, essa doença pode se desenvolver ao longo de muitos anos e os sinais podem ser sutis.

Fatores de risco para diabetes

O diabetes pode ocorrer a qualquer momento. Existem certos fatores de risco para diabetes tipo 1 e tipo 2. Esta não é uma lista exaustiva, e mesmo os adultos podem acabar com o diabetes tipo 1, apesar disso ser pouco comum.

Quem está em risco Tipo 1 :

• crianças
• adultos jovens
• aqueles com parentes diretos com diabetes tipo 1

Quem está em risco Tipo 2:

• pessoas com mais de 45 anos de idade
• pessoas com sobrepeso
• pessoas que estão inativas
• pessoas que fumam
• pessoas com histórico familiar de diabetes
• pessoas com pressão alta
• pessoas com níveis anormais de triglicerídeos ou colesterol HDL
• pessoas de determinadas etnias
• pessoas com histórico de resistência à insulina

Você pode apresentar um ou mais dos sinais de alerta para diabetes. Se isso acontecer, entre em contato com seu médico para uma consulta.

Ainda não sabe se você tem diabetes? Agende uma consulta com um dos nossos especialistas! 😉

Diagnóstico

Você também pode descobrir um diagnóstico de diabetes depois de visitar o médico para outra condição ou para exames de sangue de rotina.

Se você suspeitar que tenha diabetes, marque uma consulta com seu médico. Ele vai querer saber:

  • seus sintomas

  • histórico familiar

  • medicações que você usa

  • alergias

Você também deve ter uma lista de dúvidas para perguntar ao seu médico sobre seus sinais de alerta ou sobre a própria condição.

Tem alguma dúvida? Pergunte aos nossos especialistas! 😉

O seu médico fará perguntas sobre seus sintomas e pode decidir realizar alguns testes.

Testes para diabetes

Existem vários testes para diagnosticar diabetes:

  • Hemoglobina Glicada (A1C): Este teste mostra qual a média do seu nível de glicose no sangue nos últimos 2 ou 3 meses. Isso não exige que você jejue ou beba nada.
  • Glicemia plasmática em jejum (FPG): você precisará jejuar por pelo menos 8 horas antes deste teste.
  • Tolerância oral à glicose (OGTT): Este teste leva de 2 a 3 horas. Seus níveis de glicose no sangue são testados inicialmente e depois repetidos em intervalos de 2 horas após o consumo de uma bebida doce específica.
  • Teste aleatório de glicose no plasma: você pode fazer esse teste a qualquer momento e não precisa estar em jejum.

Tratamento

O diabetes pode ser tratado de várias maneiras. Dieta , atividade física e monitoramento cuidadoso são importantes se você tiver diabetes, independentemente do tipo de diabetes.

Se você tem diabetes tipo 1, precisará tomar insulina pelo resto da vida. Isso ocorre porque seu corpo não produz insulina.

Se você tem diabetes tipo 2, é possível controlar sua condição com mudanças no estilo de vida, como dieta e exercício. Você também pode precisar tomar medicamentos orais ou injetáveis, incluindo insulina ou metformina , para gerenciar seus níveis de açúcar no sangue.

Se você tem diabetes, precisará acompanhar cuidadosamente sua dieta para evitar que os níveis de açúcar no sangue fiquem muito altos. Isso geralmente significa observar a ingestão de carboidratos, bem como limitar alimentos processados ​​em excesso e com pouca fibra.

O seu médico trabalhará com você para desenvolver um plano de tratamento para o ajudar a controlar seus níveis de açúcar no sangue.

Perspectivas

Converse com seu médico se você acredita ter diabetes. Ficar em cima de sua condição e gerenciá-la efetivamente é a chave para controlar seus sintomas e prevenir problemas de saúde mais graves.

Se você tem diabetes tipo 1, precisará gerenciar seus níveis de glicose, combinando sua insulina, com sua dieta e atividade. Se você tem diabetes tipo 2, pode gerenciar seus açúcares no sangue apenas com dieta e atividade, ou adicionar medicamentos conforme necessário.

O diabetes é uma doença progressiva que pode exigir reavaliação e alteração no plano de tratamento ao longo do tempo.

Prevenção

O diabetes não pode ser prevenida em todos os casos. Diabetes tipo 1 não pode ser evitada. Você pode reduzir suas chances de desenvolver diabetes tipo 2 gerenciando sua dieta e mantendo-se ativo. No entanto, a genética e outros fatores de risco podem aumentar suas chances de desenvolver a doença, apesar do seu esforço em combatê-la.

Mesmo que você seja diagnosticado com diabetes,  você poderá viver uma vida inteira. O diabetes requer planejamento e uma monitoria cuidadosa, mas não deve impedir que você se envolva e desfrute das atividades diárias.

Fonte: Healthline

Não deixe de agendar uma consulta para avaliar a sua saúde. Você também pode tirar suas dúvidas com um de nossos especialistas 😉